segunda-feira, 6 de abril de 2009

I Sarau das Poéticas Indígenas

A idéia do I Sarau das Poéticas Indígenas é reunir índios, escritores indígenas e de outras origens, clássicos e contemporâneos, cuja obra tenha inspiração indígena de alguma região do Brasil. Poéticas, pois aqui não cabe apenas uma única poética, a ocidental ou aristóteleana, mas sua diversidade que vive nos cânticos, na história oral, no ritual indígena, tendo em comum a inventividade e o encantamento com a palavra e suas possibilidades. A programação completa está disponível online.

5 comentários:

Clayton disse...

Olá, Déborah. Como vai?

Iniciativa bacana essa do sarau. Vai ter desdobramento em blog ou sites, para poder ver os trabalhos deles?

Outra coisa: é uma pena que não pude acompanhar a entrevista na rádio Eldorado, que comentou no outro post.

Até!

Ademario disse...

De vez em quando um rasgo de luz, inteligência e inclusão quanto aos Povos Indígenas! Viva tod@s @s pessoas que se envolveram neste saga/Sarau e à sua curadora, Deborah Goldemberg!

Esta poranduba deve circular o país, a AmerÍndia!!!

Ademario Ribeiro - ONG ARUANÃ

Ademario disse...

De vez em quando um rasgo de luz, inteligência e inclusão quanto aos Povos Indígenas! Viva tod@s @s pessoas que se envolveram neste saga/Sarau e à sua curadora, Deborah Goldemberg!

Esta poranduba deve circular o país, a AmerÍndia!!!

Ademario Ribeiro - ONG ARUANÃ

Punk Canibal disse...

Salve, Débora!
Do que se trata este Espaço Ameríndio? Parece interessante...
Abraço!

rubi disse...

Olá, Déborah!

Estou fora do Brasil no momento, e só hoje encontrei o seu blog e a notícia sobre o Sarau de Poéticas Indígenas de abril. Parabéns pela iniciativa!

Faço pesquisa na área das Literaturas Indígenas Canadenses e Brasileiras, então gostaria muito de continuar em contato e participar de outros eventos.

Abraços!

Rubelise da Cunha